Dr. Claudio Suzuki

Artigos

  • 2018 (6)
  • 2017 (16)
  • 2016 (14)
  • 2015 (40)
  • 2014 (28)
  • 2013 (75)
  • 2012 (108)
  • 2011 (95)
  • 2010 (15)
  • 2009 (1)
  • E-mail
    Imprimir
    PDF

    Depois de quatro dias de julgamento pela Vara do Júri da Comarca de Guarulhos, Mizael Bispo de Souza foi condenado a 20 anos de prisão por ter matado sua ex-namorada, a advogada Mércia Mikie Nakashima. O crime ocorreu em maio de 2010.

    sentença foi proferida às 17h35 desta quarta-feira (14) pelo juiz Leandro Jorge Bittencourt Cano que, diante da decisão soberana dos jurados, fixou a pena do réu, que deverá cumpri-la em regime inicial fechado.

    O último dia do júri começou com os debates entre a acusação e a defesa. O promotor Rodrigo Merli falou ao Conselho de Sentença por duas horas, mesmo tempo gasto para que os defensores apresentassem suas convicções. Em seguida, os jurados se reuniram na Sala Secreta - pois a Promotoria abriu mão da réplica - e decidiram, por maioria de votos, decretar a condenação de Mizael.

    Os defensores do réu apelaram da sentença ainda em plenário.

    Pela primeira vez no Judiciário paulista um julgamento do tribunal do júri foi transmitido ao vivo com a utilização de vários meios de comunicação como emissoras de TV, rádio e veículos de internet. Outra inovação foi a transmissão em tempo real via página do Facebook do Tribunal de Justiça de São Paulo. O Twitter também foi utilizado. A transmissão atende princípios da tranparência e publicidade aos atos do Poder Judiciário de forma democrática para que número cada vez maior de pessoas tenham conhecimento das atividades da Justiça.

    Segue link da sentença para download: 

    http://www.tjsp.jus.br/Handlers/FileFetch.ashx?id_arquivo=47866

    Fonte: TJ-SP

    Você deve se registrar para postar comentários.

    Utilize o ícone de ferramenta no alto da janela para o cadastro.